Simulador Minha Casa Minha Vida

-- PUBLICIDADE --

Atualmente, por conta do coronavírus, as solicitações para o programa Minha Casa Minha Vida passaram a ser realizadas por plataformas digitais. Antes, era preciso ir até uma agência da Caixa Econômica Federal para solicitar o contrato. Hoje, o serviço pode ser realizado de maneira online pelo site da instituição. Através do portal, pode ser utilizado o simulador Minha Casa Minha Vida e feita uma simulação referente aos valores das parcelas e tempo de duração do financiamento.

Como Simular os Valores do Minha Casa Minha Vida

  • Para fazer a simulação dos valores referentes ao Minha Casa Minha Vida, primeiramente deve ser feito o direcionamento ao site da Caixa na aba de Simulação Habitacional;
  • Posteriormente o usuário deverá preencher um formulário referente aos seus dados pessoais, como, números dos documentos, nome, e informações referentes a renda.
  • É importante que se tenha muita atenção ao preencher os campos nessa etapa para que não aconteça erros no processo. Todas as informações solicitadas são conferidas pela avaliação do programa e precisam estar de acordo com as regras.
  • Na hora da aprovação do cadastro, serão analisados itens como o número do RG, CPF, endereço do imóvel e renda bruta. De acordo com os dados referentes a renda, a caixa classifica em qual faixa o solicitante se encaixa.
  • Após o preenchimento dos dados pessoais, será necessário informar os números referentes a sua conta e mais algumas informações à respeito das transações financeiras.
  • Para finalizar, deverá ser confirmado o cadastro e feito a solicitação da resposta do administrativo para que seja informado a aprovação ou não do pedido, e qual o valor autorizado referente ao financiamento.
Simulador Caixa
Simulador Caixa

Os valores disponibilizados são feitos segundo o nível de renda da família. Esses níveis são divididos de acordo com as seguintes faixas:

-- PUBLICIDADE --

  • Faixa 1 – Famílias com renda mensal de até R$ 1.800;
  • Faixa 1,5 – Famílias com renda mensal de até R$ 2.600;
  • Faixa 3 – Famílias com renda mensal de até R$ 4.000;
  • Faixa 4 – Famílias com renda mensal de até R$ 9.000.

Sendo a Faixa 1 a mais solicitada do programa, o valor das suas mensalidades fica entre R$ 80 e R$ 270, com um parcelamento de até 120 meses. Nessa faixa o imóvel é utilizado como garantia.

Quem tem direito ao Minha Casa Minha Vida?

Além de ter uma renda mensal entre R$ 1800 e R$ 7000, para a participação no Programa Minha Casa Minha Vida é necessário se enquadrar nas regras do MCMV. São elas:

-- PUBLICIDADE --

  • Ser maior de idade;
  • Ter trabalhado por pelo menos três anos de carteira assinada;
  • Morar ou trabalhar a, pelo menos, um ano no município onde o imóvel é localizado;
  • O comprador não pode possuir nenhum outro imóvel em seu nome;
  • Nunca ter feito parte de qualquer outro programa habitacional do governo, podendo ser federal, estadual ou municipal;
  • Em caso de o comprador possuir algum terreno em seu nome, não poderá ter nada construído nele;
  • A partir da faixa 2, é necessário ter o nome limpo para poder realizar o financiamento através do MCMV.

Inscrição Minha Casa Minha Vida

A maioria das pessoas optam por comparecer à uma agência da Caixa para a realização do cadastro no Minha Casa Minha Vida, mas a solicitação pode também ser realizada de maneira online.

Cadastro Minha Casa Minha Vida
Cadastro Minha Casa Minha Vida

É necessário estar portando a:

  • Carteira de Identidade ou Registro Geral (RG):
  • Certificado de Pessoa Física (CPF);
  • Comprovante de estado civil;
  • Comprovantes de renda e;
  • Extrato do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

-- PUBLICIDADE --

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *